SRINIVASA RAMANUJAN : INDIANO CANALISADOR DE MATEMÁTICA SUPER COMPLEXA - AJUDOU A CRIAR A FÍSICA QUÂNTICA(VÍDEO FULL HD)

Srinivasa Ramanujan - Full HD - Indiano Canalizador de Matemática Super Complexa - Namagiri - Vídeo Full HD

Esse indiano que morreu nos anos 20 recebia em sonhos canalização de matemática complexa, que mais tarde ajudou a criar a Mecânica Quântica, e elaborar a Teoria das Super Cordas. Sobre Física Quântica, Teoria das Cordas, Etc...
Srinivasa Ramanujan, ajudou a criar a Física Quântica com canalizações da *Deusa Hindu Namagiri (segundo ele mesmo)
    


Srinivasa Ramanujan, nasceu em 22 de Dezembro de 1887 em Erode, uma pequena localidade a 400 km de Madras. Com um ano de idade foi com seus pais para a cidade de Kumbakonan, onde mais tarde freqüentou a escola primária e o liceu. No liceu, Ramanujan revelou-se um excelente aluno em todas as disciplinas. Com 13 anos, começou a estudar sozinho as progressões aritméticas e geométricas . Com 15 anos, aprendeu como solucionar as equações do terceiro e quarto grau. No ano seguinte, desconhecendo os trabalhos de Abel e Galois, tentou em vão achar uma fórmula para achar as raízes da equação quíntica. No liceu, Ramanujan leu o livro Synopsys of Elementary Results on Pure Mathematics, publicado em 1856 é uma obra de mais de 1000 páginas e trata-se de diversos assuntos tais como Álgebra Elementar, Teoria das Equações, Trigonometria Plana e Esférica, Geometria Plana, Séries Infinitas, etc. A leitura deste livro não é nada agradável, pelo fato de apresentar várias fórmulas sem demonstração ou com provas bastante curtas. Mesmo assim, ele influenciou muito o estilo de Ramanujan em suas contribuições em Análise, Teoria dos Números, Frações Contínuas e Séries Infinitas. Em 1904 Ramanujan começou a realizar pesquisas profundas. Ele estudou a série harmônica e calculou a constante"I" de Euler com15 casas decimais. Também estudou os números de Bernoulli, embora fosse descoberto independente por ele.
Foi homenageado pelo Google

Devido a seus excelentes resultados no liceu, ele recebeu neste mesmo ano uma bolsa de estudos em Kumbakonam, mas ela não foi renovada no ano seguinte pois ele dedicava-se muito a Matemática, obtendo baixo rendimento nas outras disciplinas. Sem dinheiro, ele seu viu logo em dificuldades e fugiu para a cidade Visagapatnam cerca de650 km ao norte de Madras. Ele continuou seu trabalho matemático, investigando as séries hipergeométricas e as relações com as integrais. Em 1906 Ramanujan foi para Madras onde ele entrou na faculdade de Pachayappa. Ele participou de conferências nesta faculdade, mas ficou doente após três meses de estudo. Seu objetivo era passar nos exames admissionais de modo que ele pudesse estudar na universidade de Madras. Ele passou em Matemática, mas reprovou em todas as outras disciplinas e, portanto, foi reprovado neste exame, impedindo seu ingresso na universidade. Nos anos seguintes, ele desenvolve suas próprias idéias matemáticas, estudando sem qualquer ajuda e sem ideia real dos temas, mas os estudos baseiam-se no livro citado acima. Em 1908, ele estuda frações contínuas e séries divergentes. Nesta fase, ele ficou novamente doente e demora-se a recuperar e foi submetido a uma operação em abril de 1909 quando sua mãe arranjou um casamento com uma menina de10 anos. Ramanujan não vive com sua esposa até ela completar12 anos. Ele continua desenvolvendo suas ideias matemática e passa a publicar publicar e resolver problemas no Journal of Indian Mathematical Society. Após um brilhante trabalho sobre os números de Bernoulli em1911 neste mesmo jornal, ele ganhou reconhecimento pelo seu trabalho. Apesar de não ter um curso superior, ele fica conhecido como um gênio matemático na região de Madras. Neste mesmo ano, ele entra em contato com o diretor do Journal of Indian Mathematical Society em busca de um emprego. Logo em seguida, ele consegue o seu primeiro emprego temporário no gabinete do Contador Geral em Madras. Sugeriu-se que ele procurasse Ramachandra Rao que era um membro fundador da Sociedade Indiana de Matemática e que também ajudou a fundar a biblioteca de Matemática. Com relação a Ramanujan, Rao escreveu - "Uma figura estranha, pequena e a barba por fazer, mas com uma curiosa característica, os olhos brilhando, entrou com um caderno velho debaixo dos braços em minha sala. Ele abriu o caderno e começou a explicar algumas de suas descobertas. Eu vi muito, uma vez que havia algo fora do caminho, mas meu conhecimento não me permite julgar se ele tinha ou não razão. ... Eu perguntei o que ele queria. Ele queria o suficiente para viver de modo que ele pudesse continuar sua pesquisa matemática".

Inspirado pela Deusa Namagiri

Ramachandra Rao, disse-lhe para voltar a Madras e tentou sem sucesso arrumar uma bolsa de estudos. Em 1912, ele consegue um cargo de escriturário na Seção de Contabilidade de Madras Port Trust. Apesar do fato dele não ter um curso superior, ele era bem conhecido dos matemáticos da universidade de Madras e um deles disse numa carta de recomendação - "Eu recomendo vivamente o requerente. Ele é um homem jovem com uma excepcional capacidade em matemática, especialmente em trabalhos relacionados com números. Ele tem um capacidade natural para a computação e é muito rápido em cálculos mentais". Em janeiro de 1913 Ramanujan escreveu uma carta para o grande matemático inglês, G. H. Hardy, o qual viu uma cópia de suas anotações em 1910. Na carta de Ramanujan para Hardy ele apresentou o seu trabalho. Neste mesmo ano, ele ganhou uma bolsa da universidade de Madras por dois anos e em 1914 ele viaja para a Inglaterra e conhece o Trinity College. Em 1914 Ramanujan apresentou uma construção com régua e compasso que é equivalente a obter o valor aproximado de com 8 casas decimais exatas, ou seja, nos estudos matemáticos com Hardy, ele observa uma lacuna muito grande no conhecimento formal. Assim, o matemático Littlewood foi chamado para lhe ensinar métodos matemáticos rigorosos. No entanto, ele disse - "Era extremamente difícil ensinar-lhe matemática, porque cada vez que eu apresentava algum assunto que pensava-se que Ramanujan precisava, ele vinha com uma avalanche de ideias originais que tornava impossível persistir na minha ideia original" - Com o início da Primeira Guerra Mundial, Littlewood foi convocado para ficar de plantão. Hardy continou seus estudos com Ramanujan, mas durante os primeiros 5 meses de 1915 ele ficou doente devido a clima frio da Inglaterra.


Em 1916 Ramanujan graduou-se em Cambridge com o título Bachelor of Science by Research (este grau foi chamado de doutorado a partir de 1920). Em 1918 ele foi eleito membro honorário do Cambridge Philosophical Society. Para este título, ele recebeu apoio de vários matemáticos ingleses. Ramanujan partiu para a Índia em 27 de fevereiro de 1919 chegando em 13 de março. No entanto, sua saúde era muito precária, e apesar do tratamento médico, ele faleceu no ano seguinte. Ramanujan descobriu resultados de Gauss, Kummer e outros em séries hipergeométricas. Talvez a sua obra mais famosa foi sobre o número Pi de partições de um inteiro em números. Macmahon produziu quadros do valor de p(n) para pequenos valores de . Ramanujan usou estes dados para conjecturar algumas propriedades notáveis, sendo que algumas ele provou usando funções elípticas. Outras foram comprovadas apenas após a sua morte.

Fontes:

Postagens mais visitadas